Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Uma lição de ética e companheirismo no Alto da Srª da Graça

O ciclista desceu a serra a 70 kms/h assim amealhando minutos e segundos para os poder perder quando a estrada empinasse. No inicio da subida o corajoso atleta levava 4 m e 30 segundos de avanço sobre os tubarões que vinham no pelotão.

Á medida que a serra se tornava mais difícil assim os minutos e segundos amealhados foram rolando estrada abaixo. Eram para aí uns vinte no pelotão contra um . Inexoravelmente, a distância que os separava encurtava. Na cauda do pelotão bicicletas presas por elásticos, ora se chegavam ora se distanciavam. Na frente, os tubarões brancos, já tinham o corajoso líder à vista. A cem metros da meta dois deles apanharam-no. Um deles era seu colega de equipa. Vinha muito mais folgado, teria ganho com facilidade mas não quis tirar a glória ao companheiro. Abrandou em cima da meta. Logo atrás vinha o camisola amarela que só não ganhou porque já não tinha forças. Era a sua obrigação como profissional.

Os dois companheiros abraçaram-se . Primeiro e segundo na etapa rainha da Volta a Portugal em bicicleta. Falta dizer que o atleta que ficou em segundo, Joni Brandão de seu nome, ao perder os segundos de bonificação atribuídos ao vencedor da etapa pode ter perdido a vitória final na Volta.

Ainda há razões para termos esperança .

volta.jpg