Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Catarina, Mariana, eles apanharam prisão à séria...

presosangola.jpeg

 Agora que passaram as férias da Páscoa não há um bocadinho para protestarem contra as pesadas condenações dos nossos amigos angolanos ? É que se não sabem, até foram condenados por um crime que só apareceu nas alegações finais do julgamento. O que é que se passa convosco, raparigas ?

Têm falta de t-shirts ? As que envergavam na foto acima não aguentaram cinco meses de poder ? Têm medo de desagradar a quem, valha-me Deus ? Então o que era verdade em 2015 ( uma vergonha o silêncio do então governo) é agora mentira? Os rapazes são mesmo um perigoso grupo de revolucionários que atentaram contra o governo revolucionário de José Eduardo dos Santos? Catarina, Mariana, que se passa convosco?

Já com a Grécia e o Syriza estranhei a vossa atitude. Tanto carinho naquela fase de assalto ao poder mas, depois, veio o silêncio à medida que as reuniões em Bruxelas calavam aquele que a Isabel Moreira apelida de "é sexy, porra!". Nem o champanhe com a mulher na varanda ao entardecer o salvaram da demissão . 

Começo a ficar desiludido. Embora nunca tenha dito que gostava de Vossas Excelências ...

28 Março, 2016

17/10/2015. Luaty Beirão ainda não fora condenado

Catarina Martins diz que posição do Governo face a Luaty é “vergonhosa”

Março de 2016 – Luaty foi condenado a uma pena de cinco anos e seis meses.

 

A Venezuela está em processo de destruição

Felipe Gonzalez foi à Venezuela para defender juridicamente os presos políticos. Foi impedido e teve que sair do país a bordo de um avião Colombiano. Oito senadores brasileiros tiveram a mesma sorte. O socialismo de estado depois de destruir a economia do país está agora na fase de destruir as liberdades.

Faltam os bens de primeira necessidade, enormes filas de cidadãos desesperados, só encontram as prateleiras vazias dos supermercados.

A Venezuela é um país em processo de destruição!” – declarou Felipe González. Uma frase que bem pode servir de legenda às imagens recolhidas por telemóvel nos supermercados (já não se podem fazer outras nos supermercados venezuelanos) e que mostram as prateleiras vazias, as filas e as discussões entre cidadãos desesperados e funcionários sem nada para vender.

Por cá os media perante o desastre anunciado ( mais um ) calam-se como ratos ( não é piada para os socialistas ) e quando não for mais possível esconder o desastre, logo se encontrarão os culpados. Os imperialistas.