Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Intentona ou inventona ?

O grande vencedor da intentona é o presidente da Turquia . Foi ele a origem da inventona ? É que a intentona foi tão mal executada, benza a Deus, que parece ser mais uma inventona. Há sempre quem caia na esparrela. Porque ou não faziam ideia nenhuma das forças militares, sociais e políticas em confronto ou, então, alguém os empurrou. Uma inventona com roupagens de intentona e uns mortos à mistura mas, já se sabe, isso é o menos.

Agora o presidente tem um belo pretexto para limpar a casa, cortar a direito para chegar ao objectivo que há tanto persegue. Muda a constituição, retira o exército do centro da vida política e islamiza o país. Com todas aquelas guerras ali à porta todos vão entender e, a União Europeia, que há tanto tempo negoceia a entrada do país no mercado comum, vai entender mais depressa que os outros. Da última vez, tratava-se dos refugiados e de três mil milhões de euros para a Turquia defender as suas próprias fronteiras.

A verdade é que a intentona serviu às mil maravilhas para fazer andar a carripana europeia. E até deu para atribuir a inventona ao islamita oposicionista que vive nos Estados Unidos. E as bases militares dos US no país são ainda mais necessárias.  

Nos anos de brasa de 74/75 nós os portugas fomos iniciadores e especialistas em inventonas que transformávamos em intentonas. Uma vez até um ministro do interior ( Ângelo Correia ) descobriu ruas em Lisboa cheias de pregos para furar as lagartas dos carros de combate. Foi preciso explicar-lhe que as lagartas não são pneus...