Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Edificios ao abandono reconvertidos em turismo

Assim, ao pobre mortal, parece que só há vantagens. Edifícios históricos ao abandono e entregues a ninguém com o destino traçado, serão concessionados aos privados para actividades turísticas. O PCP e o BE já andam a dizer que estes lugares abandonados não podem ser entregues ao lucro individual têm que ser " usufruídos colectivamente ". Lembraram-se agora .

As Pousadas de Portugal, sob gestão do Grupo Pestana, são o primeiro exemplo da abertura de património histórico ao turismo. A concessão é dos anos 1950. Em 2009, pela mão de Durão Barroso, e depois de mais de dez anos de prejuízos financeiros, foram abertas a uma gestão privada. Desde essa altura, é o Grupo Pestana que detém a concessão da cadeia de pousadas por um período de 25 anos. À Enatur cabe apenas a supervisão destas concessões.

Ao PCP e ao BE cabe afastar o turismo e deixar que os monumentos acabem em ruínas

cabo_espichel_joana_sequeira.jpg

 

 

Salvaguardar os azulejos e criar 500 postos de trabalho

Não vale a pena ? É que pelo que se vê na planta não há destruição nenhuma nem impedimento do "fruir colectivo" . Entretanto, o estado, já apresentou a lista definitiva dos 30 edificios que serão entregues aos privados para lançamento de iniciativas empresariais.

sao-bento-plano.jpg

 A cor roxa está o café Jeronymo, aberto desde setembro. Ao lado, a laranja, fica o futuro hostel. Do lado oposto, o espaço verde escuro simboliza o futuro Starbucks. A verde claro está a bilheteira da CP. Ao lado, a castanho claro, ficará o Mercado Time Out.