Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Os portugueses estão a descobrir a realidade e as sondagens mostram-no

O PSD há três meses consecutivos que encurta a distância para o PS nas sondagens. Voltou a acontecer em Abril em 5 pontos.

Não é só nas intenções de voto para as eleições europeias que o PSD se está a aproximar do PS. De acordo com o barómetro da Aximage relativo a abril, feito para o Negócios e para o Correio da Manhã, a distância entre os dois partidos na corrida às eleições legislativas encurtou-se este mês em cinco pontos percentuais, descendo para o nível mais baixo dos últimos dois anos e meio.

A trajetória descendente do PS não é propriamente uma novidade. Desde setembro, mês em que as intenções de voto no PS rondavam os 40%, que a tendência é de queda gradual, mas o que o barómetro da Aximage mostra é que o declive se agravou neste mês de abril. Já a subida do PSD impressiona. A subida de 3,4 pontos é inédita não só durante o mandato de Rui Rio mas também durante toda a legislatura.

Não é possível enganar  todos durante o tempo todo.

A opinião dos portugueses mudou e muito desde a semana passada

A Eurosondagem dava o PS próximo da maioria absoluta mas a Aximage afasta-o dessa maioria. E a popularidade do governo cai a pique. E a economia abranda a ponto de ser preciso que daqui até ao fim do ano acelere como um formula um. Tudo o que já se sabia mas que António Costa e Centeno escondem dos portugueses.  

a pique.png

 

Más notícias para o PS e para o governo

Sondagem da Aximage para o Negócios dá perda generalizada de intenções de votos para o PS, governo e António Costa.

Os desastres na floresta, na saúde e a evidência que não há dinheiro para os funcionários públicos e pensionistas faz o seu caminho. Não há festa nenhuma como sempre se soube e o que há de melhor tem origem no exterior.

E a maior carga fiscal de sempre faz-se sentir nos bolsos dos contribuintes.

Está escrito nas estrelas.