Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Se um dia a História ditar uma Catalunha independente

Se um dia a História ditar uma Catalunha independente na sequência dos acontecimentos recentes, os Catalães não terão razões de orgulho na forma como o processo se desenrolou. Uma maioria pouco significativa no parlamento Catalão a favor da independência, um referendo realizado de forma ilegal onde só terão tido razões para votar os partidários da independência e, em contraste com as queixas de falta de tolerância e respeito democrático do governo central, os partidários pela manutenção na Federação Espanhola não tiveram voz e foram mesmo ostracizados neste processo.

 

As razões principais para este processo de independência não foram a afirmação da nacionalidade pelas razões históricas, culturais e sociais mas antes as reivindicações económicas da comunidade autónoma mais rica de Espanha, o que demonstra falta de solidariedade para com o resto de Espanha.

 

O Rei e o primeiro-ministro de Espanha demonstraram uma posição determinada no respeito da constituição e na unidade do país, no respeito da democracia, mas não terem dito uma única palavra contra o uso desproporcionado da força contra os catalães que só queriam votar ou protestavam contra as medidas do governo central, pode por em causa irremediavelmente o comprometimento do povo Catalão para com a Espanha, mesmo os até aqui partidários da manutenção da integração com Espanha.

10 comentários

Comentar post