Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

PSD quer preencher o centro político

Coligação de centro direita acabou com o final do governo PSD/CDS. É agora necessário o PSD preencher um vazio ao centro, resultado da sua politica de austeridade e da coligação do PS ( que inflectiu à esquerda) com PCP/BE.

O PSD não pode fazer este movimento ao centro atrelado ao CDS e com Passos Coelho a líder. E se for necessário a curto prazo apresentar-se a eleições mais depressa terá que desfazer-se deles. É injusto ? É, mas em politica não pode haver estados de alma e não há moral, como bem disse José Sócrates em recente entrevista.

Rui Rio já farejou a oportunidade e já marcou terreno. "É mais fácil haver esse entendimento se forem duas outras pessoas, diferentes das que se guerrearam, que foram adversários, que continuam adversários e que continuarão adversários", reflecte Rui Rio, considerando que novas lideranças facilitariam entendimentos entre os dois maiores partidos."

É, claro, que Rui Rio está pensar em si mesmo e em António Costa, deram-se bem enquanto presidentes das câmaras municipais do Porto e Lisboa, respectivamente.

Mas, também é verdade, que Passos Coelho consegue manter o PSD nas sondagens ao nível do PS, tendo mesmo sido o partido mais votado nas recentes eleições legislativas. Vantagem que não pode ser desperdiçada sem contrapartidas.

O xadrez da política já começou a posicionar as peças para os jogos que se anunciam. Mostra bem que o governo de António Costa não vai ter nenhum estado graça.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.