Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

PS, PCP e BE não têm um desígnio nacional comum

A questão é mesmo essa. É que não há. Não é estável, não é credível nem duradoura. E as razões são mais que conhecidas. A diferença que separa PS, PCP e BE, pela sua natureza, retira-lhes a possibilidade de alguma vez constituírem uma plataforma estável, credível e duradoura.

Os sinais estão já aí todos. Têm três papéis porque não conseguiram acordar num só . Não é estável. Assinaram esses papéis de forma envergonhada com o PCP a não querer ficar na fotografia. Não é credível . E não é duradouro porque logo que se esgotem as medidas simpáticas o acordo acaba.

E a verdade é que a maioria não espelha o querer do povo. O povo nunca foi colocado perante o cenário de o PS se coligar com os partidos comunistas à sua esquerda. É uma surpresa para todos.

Este arranjo partidário não tem a confiança dos portugueses à esquerda e à direita . O PCP diz que é o mal menor. O BE diz que é a forma de afastar a direita do governo. O PS está profundamente dividido, e tenta salvar os escombros de uma votação quase humilhante.

Tentam chegar ao governo por razões negativas . Não há, nem pode haver entre eles, um desígnio nacional .

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.