Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Portugal está falido

A opinião vem de um economista Alemão. Thomas Mayer afirma que, para melhorar a competitividade que permitira acelerar o ritmo de crescimento da economia portuguesa, Portugal teria de dar continuidade às reformas estruturais iniciadas pelo Governo liderado por Pedro Passos Coelho. “Mais horas de trabalho, mercados de trabalho mais flexíveis, talvez uma taxa de desemprego mais alta temporariamente. Coisas que o Executivo anterior fez, mas não tiveram continuação. Resta então uma única alternativa, sair do euro”, argumenta o economista, de acordo com a RR.

Outro economista opina : Daniel Stelter, ex-consultor do Boston Consulting Group, refere que reduzir os salários e aumentar as horas de trabalho não são soluções. “Se se reduzisse os salários, a crise agravaria e seria mais difícil pagar as dívidas. Imagine que compra uma casa em Lisboa. Antes ganhava 5.000 euros, mas passa a ganhar 3.000. Ia ter problemas”, disse. Para este economista, Portugal só tem um caminho: assumir a falência e reestruturar a dívida.

Como se vê temos muitas razões para apreciar o sorriso de António Costa