Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Para ir a um hospital privado é preciso ser rico ?

Não, não é. É só preciso estar doente e não ter acesso a um hospital público. E não ter acesso a um hospital público é entrar nas listas de espera que chegam a mais de um ano. Não vale a pena embrulhar a questão.

É que o PCP defende que a saúde privada é um negócio, logo, uma coisa diabólica, mas António Filipe com a sua ida a um hospital privado mostra que para um doente o que lhe interessa mesmo é ser bem tratado da sua doença.

Tal como na Educação, ao aluno não interessa que a escola seja pública ou privada, interessa que seja boa . Ao PCP interessa que seja pública . O PCP na Saúde e na Educação não defende o interesse de doentes e alunos.

O problema do Partido Comunista é ideológico . O problema para quem defende o privado em paralelo com o público é o alargamento de oportunidades de oferta disponíveis na sociedade.

E foi só por isso, por haver vários prestadores do serviço que António Filipe escolheu um hospital privado. Não foi por ser comunista nem por ser rico .

 

1 comentário

Comentar post