Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Os representantes do estado devem sofrer de autismo

Agora é nas PPP das águas. Todo o risco para os municípios. Todo o lucro e grande para os privados. Tal como em todas as outras PPPs. Fica-se com a ideia que o estado escolhe a dedo quem o representa nestes contratos ou que então são uns pobrezinhos ignorantes. Claro que os privados fazem a parte deles. O melhor negócio possível, cabe ao estado defender o interesse público. Mas o estado há muito que deixou de ser uma pessoa de bem. 

Os juízes do Tribunal concluíram ainda que 74% dos contratos de concessão "prevêem, expressamente, a possibilidade de as concessionárias serem ressarcidas pelos municípios no caso de se verificar uma determinada redução do volume total de água facturado e da estimativa de evolução do número de consumidores". E "as projecções adoptadas quanto ao crescimento populacional, bem como as capitações estimadas, apresentam, em muitas destas concessões, um desfasamento substancial da realidade de muitos municípios", lê-se também no documento do TC, que critica "a falta de rigor e prudência quanto aos pressupostos técnicos e económicos adoptados", que acabam "por beneficiar as concessionárias".

Nuns casos assegura-se o volume de tráfego automóvel noutros, o volume de água consumido. É fartar!

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.