Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

O PS já admite que há travagem na austeridade

Mas diz que o responsável pela travagem na austeridade não é o governo mas sim o Tribunal Constitucional.

A única boa notícia que os portugueses têm este ano, o fim da CES e a devolução de 20% dos cortes na função pública, foram uma obrigação imposta ao Governo e contra a estratégia do Governo pelo TC", afirmou o também secretário nacional do PS.

Mas não é a única boa notícia, longe disso. O défice das contas nacionais foi alcançado. A economia cresce há quatro trimestres seguidos. O consumo interno acelerou. As exportações bateram recordes .As taxas de juro estão em níveis historicamente baixas. O investimento cresceu à volta dos 4,3%...

Agora vamos ouvir a oposição dizer que  o êxito do programa de ajustamento ( que não era alcançável ) é fruto da sorte ( olha o petróleo, e a economia dos US e RU a crescer de forma robusta). E o que é que está em causa? "O deputado socialista João Galamba falava aos jornalistas no parlamento a propósito das declarações do vice-primeiro-ministro, que hoje em Aveiro disse que "as pessoas vão perceber nos recibos" de salários e pensões os sinais de recuperação da economia. "

Mas tudo isto não é bom para o país? Devemos lamentar que o país tenha conseguido sair da bancarrota? Que a economia crie riqueza e postos de trabalho?

De resto, a confirmar-se a expectativa que há na coligação, os dados de execução orçamental vão apontar para a possibilidade de devolver - total ou parcialmente - a sobretaxa do IRS, tal como ficou prometido no OE 2015. Isso ficou claro esta semana com Paulo Portas a afirmar publicamente que “é possível que a receita venha a permitir esse crédito, no todo ou em parte, a favor do contribuinte”.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.