Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

O partido das paredes de vidro acusado de perseguir militantes

Por opinião. Militantes que não concordam com o apoio que o PCP deu ao governo PS estão a ser expulsos do partido. Segundo as notícias há dezenas de militantes que se manifestam contra o que apelidam de desvio "burguês" ao Marxismo-Leninismo.

O PCP está hoje reunido para apreciar esta questão que está longe de ser fácil. O PCP anda há tempo a afastar-se da governação do governo PS mas não chega. Afastando-se, os comunistas deixam espaço livre para o BE se encostar ao PS . Mas PS e BE não chegam à maioria parlamentar . A direcção do PCP será acusada de abrir caminho a uma solução PS com apoio PSD ou menos credível, a uma solução PS, BE e CDS.

Crescem as demissões e aponta-se o horizonte eleitoral europeu negro que a verificar-se acentuará a queda do partido nas anteriores eleições autárquicas . Exige-se um novo secretário-geral de uma geração mais nova. Jerónimo de Sousa aponta toda esta convulsão como uma perseguição ao partido.

A factura de ter salvo a pele a António Costa é bastante pesada.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.