Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

O "hard Brêxit " pode parir uma pequena Inglaterra

A União Europeia não pode deixar que o Reino Unido fique melhor fora do que dentro pelo que o "hard Brêxit" não é uma figura de estilo, sob pena de muitos quererem o mesmo . Sol na eira e chuva no nabal .

Já o Reino Unido, não tendo outro caminho que não seja cumprir o resultado do referendo tudo fará para suavizar o brêxit . Quem tem nas costas a casa a arder não pode transferir recursos para a frente de batalha.

Com muitos escoceses – 62% dos quais votaram para ficar na UE – a serem arrastados para um "hard Brexit" pelo governo conservador do Reino Unido, o argumento para um referendo à independência da Escócia pode ser convincente. O futuro da Irlanda do Norte continua também em aberto. O estado de espírito de uma pequena Inglaterra pode tornar-se real.

May, a primeira ministra Britânica, prometeu logo após o referendo que não haveria eleições antecipadas mas voltou com a palavra atrás e marcou eleições antecipadas para Junho deste ano . Ganhando, e tudo aponta para que sim, ficará com uma maioria sólida no parlamento que lhe dará força negocial com a UE.

Mas os que se afirmam solidamente pró-europeus não vão deixar cair os braços. Um "hard Brêxit" pode fazer-se sentir com fragor na economia do Reino Unido.

May está também a jogar um jogo arriscado em relação à sobrevivência do Reino Unido.

reino-unido-x-gra-bretanha.jpeg

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.