Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

O FMI não admitiu já que estava errado ?

FMI insiste em mais cortes na função pública, nos salários e nas pensões. Não acredita no orçamento para 2015. Mas a verdade é que quem tem andado mais longe da realidade são as previsões do FMI.

O povo grego já se revoltou e nem assim o FMI aprende. E já há quem dentro da instituição critique os tecnocratas que não conseguem ir além dos números. No que diz respeito a funcionários do Estado, o FMI considera necessária uma “reforma mais ambiciosa das remunerações e carreiras do sector público”, de forma a “garantir a sustentabilidade da massa salarial” e um sistema mais “meritocrático”.

A UE não está já noutra onda, a do crescimento com as medidas do BCE e do Plano de Investimentos Juncker?