Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

O crescimento da economia não está para durar mas a dívida, sim

dívida continua a crescer já vai nos 132,4% do PIB .A dívida pública aumentou até junho, para os 132,4% do Produto Interno Bruto (PIB), acima dos 130,5% registados no primeiro trimestre e dos 130,3% verificados no final de 2016, segundo o Banco de Portugal.

Apesar da economia Portuguesa ter melhorado em alguns aspetos (contas públicas mais disciplinadas e setor exportador e de turismo mais dinâmicos), e de até se prever que continue para já a crescer, penso as coisas não vão correr bem. O atual crescimento é em grande parte resultado de uma recuperação a partir de um nível de PIB anormalmente baixo (e de desemprego alto), e de uma conjuntura externa favorável. A Espanha, por exemplo, também cresceu acima das expectativas. Eu não desejo um mau resultado para a economia portuguesa, pelo contrário. Fico feliz se errar, porque seria melhor para o país. Mas não deixa de ser esta a minha previsão. (E também a de Nuno Garoupa.)

Os que acham que o recente crescimento da economia portuguesa está para durar vão ter que comer o seu chapéu. Nessa altura culparão tudo e todos, menos a si próprios.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.