Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

O aumento do salário mínimo pode levar a uma redução de 30 000 empregos

Estudos recentes para Portugal chegam a esta conclusão. O aumento do salário mínimo pode levar a uma redução de 20 000 a 30 000 empregos. Claro que continua baixo. A questão está em saber se é adequado à realidade de um país ou não. E há medidas objectivas que nos respondem a essa questão. Infelizmente, como argumentei antes, tudo leva a crer que o salário mínimo é demasiado elevado.

Estimativas recentes para Portugal, feitas por especialistas em Economia do Trabalho, são o melhor guia que temos. E essas estimativas dizem-nos que o aumento do salário mínimo deverá levar a uma redução de 20 a 30 mil empregos.

Ora, se em Portugal o salário mínimo é demasiado elevado para a nossa realidade económica, o que devemos fazer é apostar a sério num crédito fiscal que funcione como um complemento salarial.

E de onde viria o dinheiro para pagar esse complemento? Do Orçamento do Estado, naturalmente. Ou seja, dos nossos impostos. Esta medida redistributiva que é usada nos US, por exemplo, é bem mais justa porque coloca todos a suportar a medida e não só alguns.

Por cá a redistribuição da riqueza é feita à custa das empresas sem levar em linha de conta a produtividade . Fecham-se empresas e criam-se menos postos de trabalho. Parece que não mas há especialistas nesta matéria a começar pelo actual ministro das Finanças Mário Centeno que publicou vasta obra sobre o assunto.

 

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.