Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Não às barragens e não à exploração de petróleo

As barragens estragam a paisagem e a qualidade da água. O petróleo estraga a paisagem e afugenta o turismo. Ficamos dependentes das importações de energia, do carvão e dos hidrocarbonetos. E do vento e do sol.

Eu também não me importava ( salvo a dependência das importações) mas será boa ideia deixar a água continuar a correr para o mar ? E a energia produzida a partir do vento e do sol é suficiente ?

Importamos entre 6 000 milhões e 8 000 milhões por ano em petróleo e gaz. Se a quantidade existente em Portugal for suficiente para ser explorada comercialmente seria o ponto de viragem da economia nacional. Mas há quem esteja contra.

Antes das plataformas de extração já cá temos as  plataformas de protesto. Não ao gaz. Não ao petróleo. Não às barragens.

 

say-no-to-oil-algarve-licences-map-portugal.jpg

gaz.jpg

 

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.