Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Na TAP é o quanto mais tarde, melhor

Os pilotos conscientes dos enormes prejuízos que a greve acarreta e de terem contra si a maioria da população estão, mais uma vez, em reunião com a administração da companhia.

"Quanto pior, melhor" era o grito dos revolucionários de 1975. Também estes tiveram contra si a população. Na verdade ,"chão salgado", não dá pão e não há quem melhor saiba isso que o povo. E quando se tem contra si grande parte do povo as coisas fiam mais pianinho. Os pilotos ( o sindicato que representa menos de 30% dos pilotos) tentam agora salvar a face enquanto a administração da companhia tenta salvar as receitas do turismo de Maio.

Quando se fizeram as grandes reestruturações no sector do transporte aéreo, há quinze anos, também nessa altura nos venderam a ideia que a TAP era a noiva querida por todos. Hoje sabemos ( naquela altura já se percebia que a TAP era noiva sem noivo) que ninguém a quis e que hoje poucos a querem.

Uma pequena companhia vergada ao peso de centenas de trabalhadores desnecessários, descapitalizada, capturada por interesses corporativos que acham normal que sejam os contribuintes a pagar a enorme dívida que se acumula à medida dos resultados desastrosos operacionais anuais, não tem saída.

" Deus queira que não lhe aconteça o mesmo que já aconteceu a outras congéneres". Reduzida no número de rotas, vendedora de parte da frota de aviões, aliviada de grande parte dos seus funcionários.

Os causadores, vendedores de ilusões, rapidamente encontrarão emprego. .