Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Já há mais hospitais privados do que públicos

Se há cada vez mais atrasos e filas de espera para consultas e cirurgias nos hospitais públicos havia de ser bonito se não existissem os hospitais privados.

Era uma ultrapassagem esperada há já algum tempo. Pela primeira vez, o número de unidades de saúde privadas em Portugal ultrapassou as públicas. Em 2016, existiam, segundo os dados agora divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), 225 hospitais no nosso país, sendo que 114 eram privados e 111 pertenciam ao Serviço Nacional de Saúde.

Ao longo dos 10 anos em análise “os hospitais privados ganharam importância na prestação destes cuidados, com um valor (1,2 milhões de atendimentos) que duplica o de 2006 (cerca de 600 mil atendimentos)”, refere o INE.

Segundo o INE, o aumento no número de consultas médicas ocorreu principalmente nos hospitais privados.

O número de consultas médicas na unidade de consulta externa dos hospitais aumentou 2,8% entre 2015 e 2016, de forma mais expressiva nos hospitais privados (+7,9%) do que nos hospitais públicos ou em parceria público-privada.

Em 2016, os hospitais privados foram responsáveis por 34% do total de consultas (mais 484 mil consultas face ao ano anterior, o que representa 90,7% do aumento total de consultas).

E à medida que a prestação do serviço no SNS se degrada aumenta a procura nos hospitais privados. A bem dos doentes