Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Foi preciso morrer gente para derrubar o muro ideológico

O PM e a Ministra da Saúde face ao estado em que se encontra o SNS em que há um milhão de consultas em atraso, cem mil exames e sessenta mil cirurgias por fazer, deviam assumir os erros de planeamento e a ideologia que os impediu de coordenar o SNS com o sector privado.

Deixar morrer gente sem tratamento porque a visão economicista que tanto criticam, sobreleva o interesse dos doentes é algo de muito grave. Culpa grave que tem responsáveis.

Não se pode admitir que a Ministra seja ministra do SNS e não do Sistema Nacional de Saúde ( SNS + H privados + H social) não usando toda a capacidade hospitalar instalada, com graves repercussões no tratamento dos doentes por razões ideológicas e pretensas razões economicistas.

Foi preciso o Presidente da República determinar como segue para que a bebeira ideológica terminasse :

"Podem ser utilizados pelas autoridades públicas competentes, preferencialmente por acordo, os recursos, meios e estabelecimentos de prestação de cuidados de saúde integrados nos setores privado, social e cooperativo, mediante justa compensação, em função do necessário para assegurar o tratamento de doentes com covid-19 ou a manutenção da atividade assistencial relativamente a outras patologias".

Perceberam ou vamos ter mais mortes por falta de tratamento ?

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.