Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Em matérias estruturantes não há acordos à esquerda

Sempre se percebeu o que o secretário de estado diz agora. O governo, esgotadas que estão as medidas fáceis, vai virar-se para o PSD e o CDS naquilo que é importante para o país. As medidas estruturantes.

Uma dessas medidas é a descentralização, — uma vez que o PSD é a segunda força autárquica do país — e as obras públicas.

“Se quisermos implementar um plano de obras públicas que pela sua natureza tem de ser implementado ao longo do tempo e por mais que nós achemos que merecemos governar, sabemos que não vamos governar para sempre e que precisamos que haja algum consenso para não haver avanços e recuos. É uma matéria em que o PSD deve ser achado”, afirma.

O PCP já se pôs de fora de um entendimento futuro porque sabe muito bem que a "solução conjunta" está esgotada e o BE agora só já pede não ser iludido . As limitações da solução à esquerda sempre foram óbvias e o PS já anda a lançar a rede em direcção aos que podem concretizar consensos no que é verdadeiramente importante.

Mas também é verdade que não há almoços grátis e a esquerda vai voltar ( já começou) a fazer aquilo para que está preparada. Descer à rua e ameaçar com greves. É isto ou o país não sairá desta situação em que continua a divergir da União Europeia.

A empobrecer .