Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Digam ao BE que para os alunos só há boas ou más escolas

Catarina Martins não diz nada de novo. Sobre a escola pública e a escola privada apresenta os argumentos habituais.Basicamente quer impedir as famílias de exercerem o direito de escolha. Sabe que as famílias procuram as boas escolas para nada lhes interessando se são públicas ou privadas.

Quem tem os filhos nas escolas privadas paga a escola pública com os seus impostos e paga com propinas a escola privada. E não me venham dizer que são só os filhos dos ricos que as frequentam. A ser assim estamos num país onde há muita gente rica. Há é famílias que em vez de comprar um carro novo preferem pagar a frequência das suas crianças em boas escolas.

Catarina Martins questionou “porque é que há-de o Estado pagar a escola pública e depois pagar em benefício fiscal o colégio privado”. Ora o Estado não paga nada, porque o dinheiro não é do Estado é dos contribuintes e, estes, têm o direito de exigir ao estado que tenha boas escolas e que as famílias possam escolher entre boas escolas. Sejam públicas ou privadas.

Quem ainda não percebeu a verdadeira natureza do BE é melhor deixar de olhar para as meninas engraçadas e passar a ouvi-las.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.