Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Basta perceber qual é o supremo interesse dos doentes

Há cada vez mais doentes dos hospitais públicos enviados para os hospitais privados. E a razão é simples. Os hospitais públicos não têm capacidade para os tratar dentro de prazos medicamente razoáveis. O que é que não percebem ?

Já há mais hospitais privados ( 116) do que públicos ( 115) e há mais de dois milhões de portugueses que são tratados nos hospitais privados. Se mesmo assim as listas de espera no público não param de crescer o que seria se não houvesse esta capacidade instalada privada ? Sofriam e morriam os doentes .

Em julho e agosto bateram-se recordes na emissão de vales-cirurgia, adianta a Associação de Hospitalização Privada. Dados de duas unidades privadas, de Lisboa e Porto, servem de exemplo: até ao final de julho realizaram mais operações ao abrigo do Sistema Integrado de Gestão de Inscritos para Cirurgia do que em todo o ano passado.

Para certa esquerda os doentes não interessam nada .

2 comentários

Comentar post