Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

A Escócia quer continuar na União Europeia

E o Reino Unido quer continuar unido o que parece ser uma contradição sem escapatória. Mas o Reino Unido quer continuar a aceder ao mercado comum da UE o que poderá fazer através da Escócia europeia. Confuso ?

Não é tanto assim. Afinal os Escoceses votaram a favor da UE e querem ser independentes. Trocar uma coisa pela outra é política. Dá-me a minha independência que eu dou-te o acesso ao mercado de 400 milhões de que tanto precisas. É assim tão bizarro sabendo nós que os jovens ingleses votaram na permanência na UE ? Pela lógica das coisas daqui a uns cinco anos há menos votantes no Brexit e mais a votar no Remain. Inexorável . E assim sendo o referendo não pode ser repetido ? Como muito bem diz a primeira ministra escocesa a primeira ministra britânica não pode bloquear um novo referendo.

"Penso que seria inconcebível para qualquer primeiro-ministro interpor-se no caminho de um referendo se este for votado pelo Parlamento escocês", explicou Sturgeon aos jornalistas após um encontro de 45 minutos com May. Pouco antes, a primeira-ministra britânica, que na quarta-feira sucedeu no número 10 de Downing Street a David Cameron, garantira que os escoceses já tiveram a sua oportunidade de votar pela independência há dois anos. "Tanto o governo do Reino Unido como o governo escocês disseram que iriam respeitar" a vontade do povo.

Se assim for a Escócia fica na União Europeia e continua integrada no Reino Unido. Porque não, há quem ponha vacas a voar...

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.