Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

A Bolsa de Terras vai morrer no meio da burocracia?

A Bolsa de Terrasé precisa para hoje não para amanhã. Mas a burocracia é de tal monta que não deixa a questão sair do papel. No entanto há quem tenha ideias para resolver o assunto: "

Não seria mais efectivo criar de imediato um imposto para quem não produz? Concretamente, não seria mais linear, por exemplo, dividir os terrenos em regadio, sequeiro e florestal, atribuir um valor fixo apetecível de renda por hectare e definir que quem não produzir os seus terrenos de acordo com as suas aptidões terá de pagar um imposto extraordinário, com a possibilidade de tal imposto não ser pago se os terrenos forem disponibilizados para a Bolsa de Terras? As Finanças não se oporiam e a agora criada Bolsa de Terras ficaria logo com terras disponíveis e quem quer produzir e não tem onde o fazer poderia em muito pouco tempo iniciar actividade. "

 

 


 

 


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.