Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

A redução da RTP . Mais quatro canais e mais duas comissões

Eu, valha-me Deus, já vi tantas empresas públicas cheias de dívidas e de prejuízos que jurei a mim mesmo que só nos casos em "que tem mesmo que ser" é que me comovia. A última foi a RTP. Diziam-me, pessoas que não pensam como eu mas que me são gratas, que a RTP era um instrumento fundamental da democracia da soberania e da Portugalidade. E, que, a RTP podia bem viver com metade do orçamento, depois de analisada e se cortarem adiposidades bem conhecidas. Viver da taxa audiovisual e das receitas de publicidade não parecia mal. Passar de 400 milhões de euros para 200 milhões enfim, era um esforço meritório. Eu lembrava que 400 milhões de Euros é o custo da exploração de um hospital de 200 camas em três anos. Num país onde há tanta gente à espera de uma operação...

Primeiro apareceram uns senhores muito importantes a jurarem que era um crime de lesa pátria. Depois os que recebem salários milionários também deixaram que os azeites viessem à superfície. A seguir a Comissão de trabalhadores. Todos a exigir...

E, de repente, estamos nisto. Da possível privatização fomos recuando e já vamos na criação de empresas e de novos canais. Vão caber todos e nós pagamos!