Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

O povo muda de vida antes que lha mudem a ele

Sabemos agora que a grande maioria do povo Grego apoia a redução do número dos funcionários públicos, incluindo os votantes do Syrisa, o partido da extrema esquerda. Como o estado não muda, tal como cá, mudam as pessoas.

Em Portugal, pela mão de governos do PS, vamos na terceira intervenção externa. E este ciclo não mudará se não formos capazes de reduzir a administração pública. Com os meios assim libertados podemos reforçar a capacidade de produção económica.

Tal como na Grécia, a origem de todos os males é o gastar sem limite do estado, as parcerias, as swaps, a obra pública sem freio, tudo desorçamentado, debaixo do tapete, vergonhosamente escondido. E uma administração pública insaciável, usada por todos os que querem continuar à mesa do orçamento, inimiga do investimento e da iniciativa da sociedade civil.

O povo na Grécia já mudou. Já percebeu que o país não suporta um estado gigantesco que distribui o que tem e o que não tem para se manter e não mudar. Mais tarde ou mais cedo os Portugueses também vão perceber que não se pode distribuir o que não se produz.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.