Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Nunca tantos, viveram tão bem , durante tanto tempo

Eu defendo este governo? Longe disso. Defendo as medidas de austeridade que são necessárias para manter o país na UE e no Euro. Aposto todas as fichas nesta permanência. Aliás, a opção ideológica já foi tomada há vinte anos. Pertencemos à União Europeia, um espaço de paz, de desenvolvimento e de solidariedade nunca visto antes. Um mercado de 500 milhões de pessoas a que se vão juntar mais uns quantos países dos Balcãs e da ex- URSS.

Não vejo em parte alguma do mundo um país, zona ou continente, mais desenvolvido economicamente e mais solidário. Não é perfeito? Pois não, longe disso, mas é por isso mesmo que vale a pena fazer sacrifícios para que o controlo orçamental avance, a união bancária seja uma realidade e a democracia se aprofunde.

Sou pela austeridade porque nunca ninguém mostrou uma alternativa que nos mantivesse na UE . Sou pela austeridade porque não troco uma realidade (um feito extraordinário) por sonhos que tanto mal causaram . Sou pela austeridade porque é a melhor e a mais segura forma de deixar para os vindouros um sistema onde as pessoas, a qualidade de vida e a solidariedade contam.

 

 


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.