Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

País bloqueado ?

O ataque deveria ter sido feito pelo lado da despesa pública onde ainda há muito que cortar e muito desperdício. O sector privado fez o ajustamento muito rapidamente, não precisava de ver o "aumento monstro" dos impostos. Este erros, esta inversão, bloqueou o governo. O que é preciso fazer na administração pública, com todo o seu cortejo de corporações e interesses instalados, vai levar muito tempo, demasiado tempo.

Porque a questão persiste. A despesa está do lado do estado ( 2/3 lembram-se?) e a receita está do lado da privada.(1/3). Era este o desenho inicial mas não foi isto que foi executado. É sempre mais fácil atacar quem não está organizado, como é o caso das famílias e dos trabalhadores da privada que não estão sindicalizados e não podem fazer greves dia sim dia não.

Vítor Gaspar desenhou um Orçamento do Estado para 2013 sem perceber que o ajustamento económico do sector privado já estava feito e era necessário, sim, executar uma reforma do Estado sem mais demoras, que permitisse evitar o confisco que está hoje em vigor sobre as famílias e as empresas, e que só poderia ter um efeito devastador na economia. A recessão para 2013 agora revista para 2,3% do PIB e um desemprego a tocar nos 19% são apenas o início do que ainda aí vem.