Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Governo obediente e agradecido

O ministro da Segurança Social, Vieira da Silva, substitui anteriores equipas a exigência do BE .

A direção cessante tem sido alvo de contestação por parte do Bloco de Esquerda (um dos partidos que garante maioria parlamentar ao Governo) precisamente devido aos recibos verdes. O deputado José Soeiro entregou, anteontem, uma pergunta dirigida a Vieira da Silva, denunciando o recurso a falsos recibos verdes no concurso que a direção do IEFP lançou para docentes e formadores na rede de centros de emprego e formação profissional.

O PS vai engolindo sapos a ver se o orçamento para 2016 passa. Desde que as exigências não façam mais despesa ainda a coisa vai ...

Governo obediente e agradecido

O ministro da Segurança Social, Vieira da Silva, substitui anteriores equipas a exigência do BE .

A direção cessante tem sido alvo de contestação por parte do Bloco de Esquerda (um dos partidos que garante maioria parlamentar ao Governo) precisamente devido aos recibos verdes. O deputado José Soeiro entregou, anteontem, uma pergunta dirigida a Vieira da Silva, denunciando o recurso a falsos recibos verdes no concurso que a direção do IEFP lançou para docentes e formadores na rede de centros de emprego e formação profissional.

O PS vai engolindo sapos a ver se o orçamento para 2016 passa. Desde que as exigências não façam mais despesa ainda a coisa vai ...

Assim vai a "geringonça "

Bloco acusa governo de violar a Lei da greve. Já em maio, o Governo de Pedro Passos Coelho tinha decretado serviços mínimos para atenuar os efeitos da greve na Petrogal. Agora, confrontado com esta decisão do Executivo de António Costa, o Bloco de Esquerda enviou perguntas para os atuais ministros do Trabalho e da Economia, “questionando os serviços mínimos impostos por despacho governamental, ‘que violam o exercício do direito à greve’“, como se pode ler num artigo publicado no Esquerda.net, órgão de comunicação oficial do Bloco.

E os Bloquistas reconhecem : A greve não se trata de “um direito ilimitado dos trabalhadores”,  e por isso reconhecem que se definiu a necessidade de fixação de serviços mínimos, de forma a evitar prejuízos extremos e injustificados. "

E pronto ficamos assim

 

Pág. 11/11