Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Após uma década de declínio as exportações da cortiça batem recorde

As exportações da cortiça bateram novo recorde em 2012.

Após quase uma década de declínio, as exportações de cortiça confirmaram a inversão de tendência e registaram em 2012 um aumento de 4% em valor e 5% em volume face a 2011. Atingindo um valor máximo de 895,9 milhões de euros em 2001, as exportações de cortiça foram diminuindo até um mínimo de 823,7 milhões de euros em 2009 devido à ameaça dos vedantes alternativos. Desde então, o mercado de exportações tem vindo a aumentar.

A Amorim tem investido em pesquisa para fazer face às rolhas sintéticas. A nova gama Neutrocork tem assistido a um aumento de vendas de 20%. As novas rolhas são tratadas com vapor de água de modo a reduzir a incidência de TCA - Trichloroanisol, um químico que dá ao vinho o chamado sabor a rolha. Assim, as rolhas sintéticas perdem a vantagem que mantinham em relação às tradicionais.
Segundo a Apcor, os principais destinos das exportações portuguesas de cortiça são: França (20,34%), EUA (17,11%) Espanha (11,16%), Itália (10,04%) e Alemanha (9,72%).