Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BandaLarga

as autoestradas da informação

BandaLarga

as autoestradas da informação

Ana Gomes acusa Paulo Portas no caso dos submarinos

Esta senhora é uma boca grande como há poucas. Esquece que a presunção de inocência prevalece.
Apesar destas críticas, a socialista afirmou que “não há risco nenhum do CDS sair do Governo” porque sairia de “rastos por causa de todas as contradições”.
Mas esta não era, segundo Ana Gomes, a única razão porque o CDS se mantinha no Governo: “O dr. Paulo Portas precisa absolutamente de estar no Governo para manter a imunidade inclusivamente em relação à justiça pelo caso dos submarinos”.
Pires de Lima contestou, afirmando que Paulo Portas “não é arguido, nem sequer testemunha de coisa nenhuma ao nível da justiça portuguesa ou de qualquer justiça internacional”. “São afirmações gratuitas”, acrescentou.
Porque se refugiaria Portas na impunidade governamental se não há ninguém a persegui-lo?

1 comentário

Comentar post